quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Prefeitura de Santa Cruz convoca mais três aprovadas para cargo de professor temporário

A Prefeitura de Santa Cruz está convocando ELISÂNGELA DANTAS PONTES, NADIANE MARQUES DE SOUZA e FRANCINICE ERIKA DE PONTES  para a efetivação no cargo de professor temporário, no âmbito da secretara municipal de Educação.  As três foram classificadas no Processo Seletivo Simplificado (Edital nº 001/2016).
As convocadas terão um prazo de três dias úteis para comparecer ao setor de recursos humanos da secretaria municipal de Administração (sede da Prefeitura de Santa Cruz),  21, 22 e 25 de setembro, no horário das 08h30 às 11h30 e das 14h às 17h, exceto na sexta-feira (22), quando o atendimento ao público acontece apenas das 8h30 às 11h30. O não comparecimento no prazo estipulado será considerado como desistência do candidato, na forma da Lei.
Mais informações no Edital de Convocação 009/2017 (CLIQUE AQUI)
FOTO-PROFESSOR
Foto: André Fotos

Governo federal diz que estuda extinguir o horário de verão



Governo federal está avaliando se mantém ou extingue, nos próximos anos, a adoção do horário de verão nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país. Em nota ao G1, a Casa Civil da Presidência da República confirmou que "está avaliando a conveniência ou não do tema horário de verão".

Segundo a nota, o tema é de competência do Ministério de Minas e Energia. O G1 tentou contato com o ministério e com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), e aguardava retorno até a publicação desta reportagem. Não existe um prazo formal para que a decisão seja tomada. G1 DF! 

Câmara dos Deputados aprova proibição de coligações partidárias a partir de 2020


O plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 348 votos a 87 e 4 abstenções, o destaque do PPS à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 282/16 para proibir as coligações partidárias nas eleições proporcionais apenas a partir de 2020.

O substitutivo da deputada Shéridan (PSDB-RR) previa a vigência já nas eleições de 2018. O texto também estabelece cláusula de desempenho para os partidos obterem recursos do Fundo Partidário e acesso a tempo de rádio e TV para propaganda, inclusive na campanha eleitoral. Por Wllana Dantas! 

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

CAFÉ CIDADÃO, PROGRAMA DO GOVERNO DO ESTADO, PODERÁ SER IMPLANTADO NO BAIRRO PARAÍSO, ATRAVÉS DA SOLICITAÇÃO DO VER. PAULO CÉSAR BEJÚ.

















Semelhante ao Programa Restaurante Popular, o governo de Robson Farias, através da SETHAS, criou o PROGRAMA CAFÉ CIDADÃO. O programa consiste em oferecer 200 cafés diários, de segunda a sexta, ao preço de 0,50 (Cinquenta Centavos) beneficiando centenas de famílias de baixa renda. 

O cardápio é composto por café, pão, leite, bolacha, frutas, cuscuz, macaxeira, carne e produtos da terra. Atualmente, o Café Cidadão conta com 16 unidades implantadas em Natal e no interior do Estado. Ao participar da inauguração da unidade implantada na cidade de Tangará/RN, o vereador Paulo César Bejú, colocou na sua agenda de prioridades, a solicitação de uma unidade para o Bairro do Paraíso, tendo em vista que a comunidade se encaixa nas exigências do programa. Em reunião na última quinta-feira, dia 14, com a chefe de gabinete da secretaria de Estado da Assistência Social, o vereador entregou oficio, onde apresenta dados da comunidade que justificam sua solicitação.

Durante a reunião o parlamentar foi informado de que ainda este ano haverá nova licitação, para que diversas outras unidades sejam instaladas ainda no primeiro semestre de 2018 e Santa Cruz devido à justificativa apresentada, tem tudo para ser contemplada. Não restam dúvidas que, se implantado será uma grande conquista do Vereador Paulo César Bejú, para a comunidade do Paraíso.

ABAIXO VEJA O OFÍCIO DO VEREADOR:

Equipe de reportagem da Inter TV Cabugi filiada da Globo visita a UPA do Paraíso e o Hospital Regional de Santa Cruz

Na manhã de ontem terça-feira (19) Santa Cruz recebeu a visita da equipe de reportagem da Inter TV Cabugi, filiada da Globo.

O objetivo da reportagem foi a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no bairro do Paraíso, e ao Hospital Regional Aluízio Bezerra. 

blog acompanhou de perto a equipe de reportagem no hospital.  Equipe conversou com a Diretora Geral Maria do Rosário e ouviu alguns pacientes que estavam pra serem atendidos no serviço de urgência (SAU).

O ponto principal da visita e reportagem, é o porque da UPA um projeto orçado em mais de um milhão de reais não está funcionando ainda, já que se passaram mais de dois anos que a unidade está pronta.

"Todos nós sabemos que o funcionamento da UPA,vai trazer benefícios para todos, principalmente aos moradores do bairro paraíso, já que fica muito distante o hospital regional, que fica aproximadamente mais de um km, com o funcionamento moradores daquela localidade evitarão gastos com transportes, além dos benefícios oferecidos pela unidade e irá desafogar o hospital regional, já que hoje é o único com atendimento de urgência." O blog

A matéria irá ao ar nesta quarta-feira(20), no RN TV 2º edição.

A Unidade de Pronto Atendimento irá descentralizar os serviços de urgências que atualmente são oferecidos apenas no Hospital Regional Aluísio Bezerra, no Conjunto Cônego Monte, onde hoje existe uma grande demanda de atendimentos.

UPA – Unidade de Pronto Atendimento

Unidades de Pronto Atendimento (UPA) funcionam 24 horas por dia, sete dias por semana e podem resolver grande parte das urgências e emergências, como pressão e febre alta, fraturas, cortes, infarto e derrame. Com isso ajudam a diminuir as filas nos prontos-socorros dos hospitais.

A UPA inova ao oferecer estrutura simplificada, com raio-X, eletrocardiografia, pediatria, laboratório de exames e leitos de observação. Nas localidades que contam com UPA, 97% dos casos são solucionados na própria unidade. Quando o paciente chega às unidades, os médicos prestam socorro, controlam o problema e detalham o diagnóstico. Eles analisam se é necessário encaminhar o paciente a um hospital ou mantê-lo em observação por 24 horas.

VEJA O VÍDEO com o início da obra e a MAQUETE da UPA:



Fonte: Blog do Heriberto Rocha

terça-feira, 19 de setembro de 2017

Prefeito de Cuité e filho sofrem acidente na BR 104




O prefeito de Cuité, Charles Camaraense (PSL) e o filho, Rafael, sofreram um acidente, na madrugada desta terça-feira (19), na BR 104, ao colidir em um animal que estava solto na pista. Apesar do susto, os dois estão bem.

Eles tiveram apenas escoriações leves.

O acidente aconteceu entre os municípios de Barra de Santa Rosa e Remígio, no Agreste da Paraíba.

Nas redes sociais, o gestor contou o ocorrido e agradeceu por não ter acontecido o pior.

“Mais um vez quero agradecer a DEUS por mais um livramento, agora a pouco eu e meu filho Rafael batemos em um animal na BR 104, entre Barra de Santa Rosa e Remígio, muito obrigado senhor a ti minha eterna gratidão!”, postou










PB Agora

Nove mil alunos da Rede Estadual de Educação participam da 2ª fase da OBMEP


No último sábado (16), em todo o Rio Grande do Norte, foram realizadas as provas da segunda fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) 2017. Ao todo, mais de nove mil alunos da Rede Estadual de Ensino participaram desta segunda etapa da OBMEP.

No RN, 432 escolas estaduais participaram da aplicação das provas. Nesta edição, a OBMEP distribuirá o mesmo número de medalhas das edições anteriores a alunos de escolas públicas (500 de ouro, 1.500 de prata, 4.500 de bronze e até 46.200 menções honrosas).

Os vencedores serão anunciados em 22 de novembro no site da competição. As cerimônias de entrega dos prêmios da OBMEP ocorrem em 2018, em data a ser definida. Professores, escolas e secretarias de Educação também concorrem a prêmios, de acordo com o desempenho dos alunos na segunda fase.

Saiba mais

Criada em 2005, a OBMEP é uma realização do IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada), com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC). Este ano, a competição nacional, para estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, bateu novo recorde de inscritos. Foram 18,2 milhões de inscritos, de 53.230 instituições de ensino, atingindo 99,6% dos municípios brasileiros.

Bolsa estágio do TJRN para universitários abre novo processo de seleção; mais de 200 vagas ofertadas


A Comissão do Concurso Público para Seleção de Estagiários do Poder Judiciário do Rio Grande irá realizar seleção para preenchimento de vagas e para cadastro de reserva para o Programa de Estagiários no Poder Judiciário do RN. A inscrição será feita exclusivamente através da Internet, no período de 14hs do dia 25 de setembro de 2017 às 16hs do dia 10 de outubro de 2017, no endereço eletrônico www.idecan.org.br. O valor da inscrição é de R$ 60. O edital completo da seleção pode ser visto AQUI.

As vagas estão disponíveis para os universitários de Administração, Biblioteconomia, Ciência da Computação, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Direito, Estatística, Pedagogia, Psicologia e Serviço Social, regularmente matriculados e que estejam cursando, no mínimo, o 5º período do curso em instituição reconhecida pelo Ministério da Educação. Ao todo são 226 vagas mais o cadastro de reserva.

A seleção será feita pelo Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistência (Idecan). As vagas irão atender às necessidades das comarcas divididas por cinco polos: Natal, Assu, Caicó, Mossoró e Pau dos Ferros. Dez por cento das vagas serão reservados a candidatos portadores de deficiência.

O Estagiário perceberá, a título de bolsa mensal de estágio pela jornada semanal de 20 horas o valor de R$ 937,00 e pela jornada semanal de 30 horas, o valor de R$ 1.405,50, conforme Resolução nº. 10/2017-TJ, publicada na edição 2241 do Diário da Justiça Eletrônico. Além disso, o selecionado receberá também auxílio-transporte no valor atual de R$ 127,60.

Governo do RN deposita nesta terça (19), Pagamento de Agosto dos servidores que recebem entre R$ 3 mil e R$ 4 mil



O Governo do RN deposita hoje (19) o pagamento dos servidores ativos, aposentados e pensionistas que recebem entre R$ 3 mil e R$ 4 mil. O montante pago será de R$ 51.370.510,23.

Com isso, 80,49% do funcionalismo público terá recebido integralmente seus vencimentos, o que dá um valor total de R$ 190.925.074,92.

No último dia 9 foram pagos os salários de quem recebe até R$ 3 mil. Servidores da Educação e dos órgãos da administração indireta com arrecadação própria também já receberam.

O pagamento dos servidores que ganham acima de R$ 4 mil será realizado o mais breve possível, a partir da disponibilidade de recursos.

Primeiro-ministro diz que Dominica perdeu tudo durante passagem do furacão Maria

Da Agência EFE
O primeiro-ministro de Dominica, Roosevelt Skerrit, afirmou nesta terça-feira (19) que seu país perdeu tudo e que a "devastação é generalizada" após a passagem do furacão Maria, que alcançou a categoria 5 ao atravessar a pequena ilha caribenha, mas que perdeu força. A informação é da Agência EFE.
Skerrit, que precisou ser resgatado depois que sua casa sofreu graves danos, disse em sua conta no Facebook temer a confirmação de que há pessoas mortas e feridas, "como resultado dos prováveis deslizamentos de terra provocados pelas chuvas persistentes".
"Eu fui resgatado", disse o premier, antes de avisar que estava a "mercê do furacão. A casa está inundando".
"Até agora, perdemos tudo o que o dinheiro pode comprar e substituir", disse ele, em sua mensagem.
Os "ventos varreram os telhados das casas de quase todas as pessoas com quem já conversei. O telhado da minha própria residência oficial foi um dos primeiros a sair voando", disse Skerrit.
Ele acrescentou que não se sente realmente preocupado com os danos físicos causados pelo furacão, mas que sua prioridade era "resgatar as pessoas e assegurar assistência médica aos feridos" por esse fenômeno que classificou de "alucinante".
"Nós precisaremos de ajuda, precisaremos de ajuda de todo tipo. É muito cedo para falar da situação dos portos marítimos, mas suspeito que eles não estarão operando nos próximos dias", afirmou.
"Por isso, solicito o apoio das nações e organizações amigas com serviços de helicópteros, já que pessoalmente estou ansioso para ver e determinar o que necessário", disse em outro momento da mensagem.
O premier determinou a retirada dos moradores de áreas próximas ao mar, que poderiam ser inundadas, e não descartou impor o toque de recolher na ilha "em caso de necessidade".
Ao longo do dia, os cidadãos de Dominica invadiram os supermercados, onde muitos itens de necessidades básicas estavam esgotados. Os aeroportos e portos estão fechados.
Apesar de a imprensa local afirmar que o "Maria" foi o pior furacão que passou por Dominica, o premier lembrou que há 38 anos o ciclone David, também de categoria 5, atingiu a ilha, com ventos de mais de 281 quilômetros por hora (km/h) e causou a morte de 2 mil pessoas.
Na semana passada, Dominica já sofreu os efeitos do furacão Irma, que atingiu grande parte do Caribe e o estado da Flórida (Estados Unidos).
Depois de passar por Dominica, o Maria se dirige para Saint Croix (Ilhas Virgens) e Porto Rico, com ventos de até 250km/h, segundo o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos

Chegada do furacão Maria gera alerta vermelho em San Martín e São Bartolomeu

Da Agência EFE
Caribe - Olho do furacão Maria nas ilhas do Caribe (NOAA/EPA/EFE)
Olho do furacão Maria nas ilhas do Caribe -NOAA/EPA/EFE

O furacão Maria atinge nesta terça-feira (19) o arquipélago francês de Guadalupe, em particular o sul, onde as autoridades pediram à população que permaneça confinada, ao mesmo tempo em que decretaram alerta vermelho em outras duas ilhas, as de San Martín e São Bartolomeu. A informação é da Agência EFE.
Segundo boletim do Guadalupe de Météo France, no sul são esperados ventos de 180 quilômetros por hora (km/h), com rajadas de 220km/h ou até superiores, durante várias horas.
Como as ondas deviam superar os 10 metros de altura, a meteorologia advertiu sobre a possibilidade de "submersões localizadas" em pontos da costa.
A prefeitura (delegação do governo) pediu à população que escute as previsões meteorológicas, que se mantenha abrigada e que não saia "sob qualquer pretexto".
O furacão tinha se aproximado de outra ilha francesa mais ao sul, a Martinica, causando apenas danos materiais limitados. Segundo as primeiras informações divulgadas pela prefeitura, 33 mil casas tinham ficado sem energia elétrica.
Quanto a San Martín e São Bartolomeu, que sofreram destruições catastróficas com a passagem do furacão Irma, o serviço Météo France lembra, em seu boletim de vigilância vermelha para os territórios, que entre a tarde de hoje e amanhã haverá ventos de 80 a 90km/h, com rajadas de 120 a 140km/h e ondas de 6 a 7 metros.
Além disso, estima-se que as chuvas podem superar os 100 litros por metro quadrado.

Intolerância e respeito às religiões são temas do Prêmio Osé Mimo

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil
A segunda edição do Prêmio Osé Mimo de Valorização da Diversidade Étnica e Cultural, cujas inscrições terminam na próxima quarta-feira (20), vai abordar a questão da intolerância e a necessidade de respeito entre as religiões. De julho até a semana passada, a Secretaria Estadual de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos do Rio de Janeiro registrou 32 casos de intolerância religiosa, dos quais oito ocorreram em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, município com o maior número de casas de religião de matriz africana da região.
O nome do Prêmio Osé Mim significa “machado sagrado”. Ele foi criado por quatro casas de religiões de matriz africana, que integram o Coletivo Osé Mimo: Ilé A é Efón, liderada pelo Babalori a Elias d’Iansã; Ilé A é Oiyá Iyá Mí, da Iyalori a Rita d’Oiyá; Ilé A é Oiyá Tolore Osun, da iyalori a Neném d’Iansã; e Ilé A é Omin Odara, do Babalori a Carlinhos d’O aguian.
“É inadmissível que as pessoas não nos respeitem. Nós não batemos na porta de ninguém; nós cultuamos a natureza; não ofendemos ninguém e somos atacados”, disse a Iyalori a Rita d’Oiyá. Ela afirmou que é preciso que a sociedade conheça o candomblé para compreender que está havendo uma grande confusão. “A coisa está muito agressiva”, disse Rita, para completar que “o Osé Mimo vem para mostrar o contrário”.
As inscrições podem ser feitas na internet. A premiação ocorrerá no dia 11 de outubro, no Teatro Carlos Gomes, na Praça Tiradentes, região central da capital fluminense, e vai homenagear as mulheres, na figura da ialorixá Mãe Beata de Iemanjá, que morreu no dia 27 de maio deste ano. Ela será homenageada por sua trajetória cultural, política e religiosa.
Um balé da companhia de dança Corpafro apresentará a história das iabás (orixás femininos) Iansã, Obá e Oxum, esposas de Xangô, o deus da justiça, que é o patrono do prêmio.
Serão premiadas onze iniciativas ou pessoas em sete categorias: promoção da cultura, manutenção do patrimônio material e imaterial, proteção dos direitos, respeito entre as religiões, serviço social e ações de sustentabilidade, mídia e comunicação e combate ao racismo e à discriminação.
O prêmio tem o apoio da prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

Edição: Graça Adjuto

Temer abre em Nova York a Assembleia Geral da ONU

Yara Aquino* - Repórter da Agência Brasil
O presidente Michel Temer faz hoje (19) o discurso de abertura da 72ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, seguindo a tradição de o Brasil ser o primeiro a ter a palavra desde 1947.
De acordo com o representante permanente do Brasil nas Nações Unidas, Mauro Vieira, entre os destaques do discurso deste ano devem estar os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e o Tratado para Proibição de Armas Nucleares, que deve ser ratificado por 26 países, entre eles o Brasil, nesta quarta-feira (20).
Será a segunda vez que Temer discursará na abertura do evento. No ano passado, ele reiterou o compromisso “inegociável” do país com a democracia e abordou alguns conflitos internacionais, como o de Israel e da Palestina e a guerra na Síria.
Antes da abertura da assembleia, o presidente brasileiro se reúne com o secretário-geral da ONU, António Guterres. Ainda nesta terça, Temer se encontra com líderes do Oriente Médio: Mahmoud Abbas, da Autoridade Palestina, Abdel Fattah El-Sisi, do Egito, e Benjamin Netanyahu, de Israel. No mesmo dia, tem uma reunião com líderes da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e com o presidente do Fórum Econômico Mundial, Klaus Schwab.

*Colaborou Paola De Orte, de Nova York

Edição: Graça Adjuto

Câmara tenta mais uma vez votar reforma política

Débora Brito - Repórter da Agência Brasil
A Câmara dos Deputados tentará mais uma vez avançar na discussão das propostas de reforma política que tramitam na Casa. Nesta terça-feira (19), o plenário volta a analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que institui um novo sistema eleitoral e um fundo público para financiar as campanhas.
A proposta já está há algumas semanas no plenário, mas não encontra consenso entre as principais bancadas. O texto em análise propõe a adoção do voto majoritário (conhecido como “distritão”) para escolha de deputados para as eleições de 2018 e 2020 e a instalação do sistema distrital misto, que combina voto majoritário e voto em lista preordenada pelos partidos nas eleições proporcionais a partir de 2022.
Outro ponto de destaque da proposta é a instituição de um fundo público para financiamento das campanhas eleitorais. O fundo seria composto por recursos da União, sem valor ainda definido. O fundo deve ser regulamentado por um projeto de lei que já foi aprovado em comissão especial e está para chegar ao plenário.
Na quarta-feira (20), os deputados devem continuar a votação da PEC 282/2016, que trata do fim das coligações partidárias nas eleições de deputados e vereadores a partir do ano que vem. De acordo com a emenda, os partidos poderiam se organizar em federações que funcionariam durante todo o período do mandato dos candidatos eleitos.
A proposta também prevê a adoção de uma cláusula de desempenho para que os partidos só tenham acesso aos recursos do Fundo Partidário e ao tempo de propaganda na rádio e na TV se atingirem um patamar mínimo de candidatos eleitos em todo o país.
As duas PECs enfrentam dificuldades para avançar no plenário, pois nenhuma delas atingiu o mínimo necessário de 308 votos, entre o total de 513 deputados, para aprovação de mudanças constitucionais.
Outro problema é a falta de tempo para construir o apoio da maioria, uma vez que para serem válidas para as eleições do ano que vem, as mudanças precisam ser aprovadas em dois turnos pela Câmara e pelo Senado até o início de outubro, um ano antes do próximo pleito.
Histórico de impasse
Nos últimos 15 anos, foram registradas pelo menos 120 propostas (30 PECs e 90 projetos de lei) de mudanças na legislação eleitoral e partidária, segundo dados da Câmara.
Boa parte das matérias trata de alterações na forma de financiamento das campanhas eleitorais, regras para fidelidade partidária e alterações no sistema de escolha dos deputados, além de mecanismos para evitar a proliferação de partidos. 
Na última década, mais da metade das propostas foram arquivadas pelos parlamentares, entre elas pelo menos quatro propostas de emenda constitucional para adoção do voto distrital misto. Cerca de 30 projetos aguardam deliberação do plenário. 
Em muitos casos, os parlamentares apresentaram propostas pulverizadas em diferentes projetos de lei, que podem ser aprovadas com maioria simples, sem a necessidade de 308 votos, quórum exigido para alterações na Constituição. A estratégia surtiu efeito para alguns assuntos, como a questão da fidelidade partidária, aprovada via PL em 2011.
“Nesses últimos dois anos, 2013 e 2015, houve essa inovação do “distritão”, que não existia nas discussões de antes, de 2011 e 2009. Isso, na verdade, trouxe um elemento novo que complicou ainda mais o cenário no sentido de dificultar a aprovação de qualquer outra mudança”, afirmou o cientista político da Universidade de Brasília (UnB), Lúcio Rennó.
Para Lúcio Rennó, que acompanha as iniciativas de reforma política no Congresso desde 2003, o fato de a reforma política entrar no debate na véspera de um pleito dificulta a implementação das mudanças.
“Não há uma discussão que se mantém, que se aprofunda no ano eleitoral ou no período pós-eleitoral para se avançar de fato numa reforma. Fica tudo sempre para a última hora e aí o atropelo gera a impossibilidade de aprovação. Apesar de ter uma janela ainda muito pequena de tentar votar isso na Câmara, mas, tudo indica que mais uma vez toda essa discussão vai morrer na praia”, disse o especialista.
Para o pesquisador, apesar da dificuldade de os parlamentares chegarem a um consenso, há um senso geral da necessidade de se mudar dois pontos: a proliferação de partidos sem base ideológica, o que prejudica a governabilidade; e a relação do dinheiro com a política, que se expressa na influência dos doadores de campanha.
“Há um consenso entre todos aos partidos políticos e todos os atores do Congresso envolvidos de que esses dois aspectos são problemáticos. A questão é que não se tem um consenso mínimo necessário sobre as soluções. As pessoas não conseguem se entender muito bem sobre qual é a solução para o problema”, afirmou Rennó.
Apesar do descontentamento da sociedade com os representantes políticos, o especialista não acredita que esse fator e nem a crise econômica possam favorecer a votação da reforma política.
“Toda vez que emergem essas discussões, desde 2003, é em resposta a alguma crise que afeta o Congresso e que aumenta a crítica da população, por exemplo, o mensalão. É fato que talvez a dimensão da crise atual seja superior a crises anteriores. Mas, essa crise se volta muito para a questão do financiamento de campanha, que está na essência da discussão da Lava Jato, e essa discussão já teve avanço no Supremo, que vedou a possibilidade de doação de pessoa jurídica, e o Congresso não encontra agora ambiente favorável para alteração dessa proposta”.

Edição: Carolina Pimentel

Trump declara emergência em Porto Rico e Ilhas Virgens por passagem do Maria

Da EFE
O governador de Porto Rico, Ricardo Rosselló, anunciou nesta segunda-feira que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou a declaração de estado de emergência para Porto Rico e as Ilhas Virgens, por conta da passagem do furacão Maria. As informações são da agência de notícia EFE.
O olho do Maria, fortalecido a categoria de intensidade 5, a máxima, tocou a terra nesta segunda-feira (18) na ilha de Dominica, nas Pequenas Antilhas, e está previsto que chegue em Porto Rico e nas Ilhas Virgens entre a noite de terça-feira (19) e quarta-feira (20).
A ordem de Trump autoriza ao Departamento de Segurança Nacional dos EUA e à Agência Federal de Gestão de Emergências (Fema, sigla em inglês) a coordenar as ajudas de urgência, segundo um comunicado divulgado pelo Escritório de Assuntos Federais de Porto Rico em Washington.
"Esta ação ajudará a aliviar o sofrimento e as dificuldades que a situação pode trazer para a população local e fornece assistência adequada para tomar as medidas necessárias de emergência", diz a ordem assinada por Trump. Por último, indica que especificamente que a Fema está autorizada a "identificar, mobilizar e fornecer a seu critério, equipes e recursos necessários para aliviar o impacto" da passagem do furacão.

Furacão Maria sobe para categoria 5 e chega na ilha de Dominica

Da EFE
Caribe - Olho do furacão Maria nas ilhas do Caribe (NOAA/EPA/EFE)
 Olho do furacão Maria no Oceano Atlântico NOAA/EPA/EFE

O olho do furacão Maria, fortalecido à categoria 5, a de maior intensidade, tocou terra hoje (18) na ilha de Dominica, nas Pequenas Antilhas, com ventos máximos de até 260km/h, informou o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, sigla em inglês). As informações são da agência de notícias EFE.
Às 21h35 (horário local de Dominica, 22h35 de Brasília), o olho de Maria estava situado sobre esta ilha de 75.000 habitantes e avançava em direção oeste-noroeste a uma velocidade de 15km/h. Dominica é uma ilha de aproximadamente 75 mil habitantes, localizada entre os territórios franceses de Guadalupe, ao norte, e a Martinica, ao sul.
O Maria está avançando neste momento em direção às ilhas perto de Dominica e continuará assim por toda terça-feira (19), de acordo com o NHC. Está previsto que o Maria chegue em Porto Rico e nas Ilhas Virgens entre amanhã à noite e quarta-feira (20).
O NHC prevê um possível aumento na intensidade do Maria, embora sua potência vai oscilar nas próximas horas.
As Pequenas Antilhas ainda estão sob o choque do furacão Irma, também de categoria 5, que deixou pelo menos 26 mortos no Caribe, a sua maioria em Porto Rico e Cuba. Esse ciclone, que chegou aos 295km/h, destruiu quase totalmente a pequena ilha de Barbuda, de 1,6 mil habitantes.

Brasil faz o possível para ajudar a Venezuela, diz Temer após jantar com Trump

Da Agência Brasil
Nova York (EUA) - Os presidentes dos Estados Unidos da América, Donald Trump, e do Brasil, Michel Temer, durante jantar de trabalho oferecido pelo presidente americano (Beto Barata/PR)
Os presidentes dos Estados Unidos da América, Donald Trump, e do Brasil, Michel Temer, durante jantar de trabalho oferecido pelo presidente americano Beto Barata/PR

O presidente do Brasil, Michel Temer, disse hoje (18), após jantar de trabalho com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e  lideranças sul-americanas, que o Brasil tem feito o possível para ajudar humanitariamente o povo venezuelano. A Venezuela foi um dos principais temas tratados no jantar com Trump, que exigiu a restauração "plena" da democracia e das liberdades políticas no país governado por Nicolás Maduro.
Temer deu uma entrevista coletiva a jornalistas após o jantar com Trump e a Venezuela foi o principal assunto. O presidente brasileiro disse que é preciso tratar do tema sobre dois ângulos: o humanitário e o político. No humanitário, ele disse que o Brasil mandou medicamentos para a Venezuela e no político citou o encontro com Leopoldo Lopez, político que faz oposição a Maduro.
“ Eu próprio relatei que recebi o Leopoldo Lopez, tenho mantido os mais variados contatos, recebi a esposa dele, a mãe dele, para revelar a posição do Brasil em relação à Venezuela”, disse. “As pessoas querem que lá se estabeleça a democracia, não querem uma intervenção externa, naturalmente. Mas querem manifestações que se ampliem, dos países que aqui estão para os países da América Latina, para os países caribenhos, de maneira a pressionar a solução democrática na Venezuela”
Segundo o presidente brasileiro, nenhuma decisão foi tomada durante a reunião, mas os líderes sul-americanos destacaram o problema dos refugiados venezuelanos. “Nós temos mais de 30 mil refugiados no Brasil, milhares de refugiados na Colômbia e alguns até no Panamá. E o que houve foi isso: todos querem continuar a pressão para resolver. Mas a pressão diplomática”, disse.
Temer disse que a possibilidade de sanções à Venezuela não foi discutida efetivamente. Falou-se no tema, mas com ações diplomáticas, como ocorreu em relação ao Mercosul. “No Mercosul, quando nós fizemos reunião na Argentina, a Venezuela foi excluída do Mercosul, melhor dizendo, até nem chegou a entrar, por não ter cumprido as cláusulas democráticas”, disse.

 Edição: Fábio Massalli

Gol de mão de Jô leva CBF a antecipar árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro

Jorge Wamburg - Repórter da Rádio Nacional
O erro da arbitragem no jogo Corinthians x Vasco, neste domingo (17), ao não invalidar o gol de Jô com a mão, que determinou a vitória corintiana por 1x0, levou a Confederação Brasileira de Futebol  (CBF) a anunciar hoje (18) que vai antecipar o uso de árbitro de vídeo nas partidas do Campeonato Brasileiro da Série A, previsto para as rodadas finais da competição.
A notícia foi divulgada na página da CBF na internet e diz que “em função da incidência de erros recentes que poderiam ser evitados com a utilização da tecnologia, o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, reuniu a equipe, nesta segunda-feira, e determinou que o árbitro de vídeo seja aplicado o quanto antes nas partidas do Brasileirão – Série A”.
Como a nota informa que medida deve ser aplicada “o quanto antes”, não há data prevista para entrar em vigor. Segundo a CBF, ao longo deste ano, representantes da entidade e árbitros brasileiros participaram de treinamentos teóricos e práticos sobre o tema, incluindo a capacitação que vem sendo feita desde a semana passada na sede da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), em Assunção, no Paraguai.
Fim de semana
De acordo com a CBF, o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Marcos Marinho, está trabalhando para acertar os detalhes e viabilizar o árbitro de vídeo o mais rápido possível. O árbitro de vídeo poderá ser adotado já na 25ª rodada da série A, no próximo fim de semana, a menos que não haja condições técnicas para que todos os jogos contem com o recurso.
Embora o diretor de arbitragem tenha admitido que houve o erro da equipe que atuou na partida, ao não assinalar o toque de mão de Jô no gol do Corinthians, Marinho garantiu que não haverá punição ao árbitro e seus auxiliares, entre eles Eduardo Tomaz de Aquino Valadão, que estava atrás do gol do Vasco, a poucos metros de Jô, e não alertou o juiz Elmo Alves Resende Cunha sobre a infração.
Campeonato
Com o gol irregular e a vitória, o Corinthians voltou a disparar na liderança da série A, agora com 53 pontos, dez a mais que o segundo colocado, o Grêmio (43). Nesta segunda-feira, a 24ª rodada foi encerrada com o jogo Palmeiras 1 x 0 Coritiba, gol de Jean no primeiro tempo. Com o resultado, o Palmeiras, somou 40 pontos e está em 4º lugar, enquanto o Coritiba, com 27 pontos, ocupa a 18ª colocação, na zona de rebaixamento.
A classificação geral é a seguinte: 1º Corinthians, 53 pontos; 2º Grêmio, 43; 3º Santos, 41; 4º Flamengo, 38; 5º Palmeiras, 37; 6º Cruzeiro, 37; 7º Botafogo, 37; 8º Atlético PR, 34; 9º Vasco, 31; 10º Atlético MG,31; 11º Fluminense, 31; 12º Sport, 29; 13º Avaí, 29; 14º Chapecoense, 28; 15º Ponte Preta, 28; 16º, Bahia, 27; 17º São Paulo, 27; 18º Coritiba, 27; 19º Vitória, 26; 20º, Atlético GO, 22.
A 25ª rodada marcada para o próximo fim de semana tem os seguintes jogos: Flamengo x Avaí; Santos x Atlético PR; São Paulo x Corinthians; Fluminense x Palmeiras; Coritiba x Botafogo; Atlético GO x Cruzeiro; Chapecoense x Ponte Preta; Atlético MG x Vitória e Bahia x Grêmio. Na segunda-feira (25), a rodada será encerrada com o jogo Sport x Vasco.
Multa
Nesta segunda-feira, o Flamengo foi multado em R$ 40 mil pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), pelas brigas e outros incidentes ocorridos no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, no Maracanã, no dia 7 de setembro.
Por maioria de votos dos auditores (3x1), o tribunal puniu o clube com base no Artigo 213, Inciso I, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, mas recusou o pedido da Procuradoria para aplicar também a punição de perda de até dez mandos de campo pelos incidentes, prevista no Parágrafo 1º do mesmo artigo. A defesa do Flamengo diz que vai recorrer da punição.

 
Edição: Fábio Massalli

VENDE-SE 04 TERRENOS NO CONJUNTO CÔNEGO DO MONTE EM SANTA CRUZ/RN

Vende-se 04 Terrenos no Conjunto no Cônego do Monte em Santa Cruz/RN, os referidos Terrenos ficam localizados por trás do Posto de Saúde daquele Bairro.
contato: .9 9668 2617...9 8859 5701






segunda-feira, 18 de setembro de 2017

A Atreva-se repudia as atitudes transfobica ocorrida contra a trans Rafaelly pontes em Santa Cruz/RN.

A Atreva-se repudia a atitude preconceituosa e constrangedora ocorrida neste Sábado dia 16 de Setembro de 2017 praticada contra a travesti Rafaelly Pontes ao frequentar um estabelecimento comercial do município de Santa Cruz/RN e passar por uma situação considerada como uma atitude transfobica de constrangimento por não ter sua identidade de gênero respeitada, além da invasão a sua intimidade pessoal de forma abusiva por mencionarem e tocarem em sua genitália tentando desqualificar a sua identidade de gênero de mulher travesti.

Repudiamos todo e qualquer tipo atitudes preconceituosas que causem constrangimento em razão da orientação sexual e identidade de gênero das pessoas Trans e LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) em estabelecimentos públicos e privados que seja causados por proprietários ou funcionários de empresas, tal qual sabemos que toda e qualquer instituição, repartição e empresas publicas ou privadas tem o papel de atender ao público de forma igualitária e acolhedora que respeite a diversidade e diferenças de cada ser humano para o bom convívio em sociedade, prezando o bom atendimento aos seus clientes para o melhor desempenho e desenvolvimento comercial dos estabelecimentos que visem atrair a diversidade humana para seus empreendimentos fazendo com que amplie cada vez mais os serviços a serem ofertados a todo e qualquer cidadão independente de cor, raça, orientação sexual, identidade de gênero, religião, idade e condição social.

Aos estabelecimentos que não se adequam para melhorar seu desempenho e acolhimento a ser ofertado aos clientes lamentamos a existência e permanência sem a devida qualificação profissional dessas empresas no mercado, que ao invés de buscarem métodos e atitudes de inclusão que visem o respeito através dos gestos acolhedores, atividades e marketings promocionais, buscando se atualizar cada vez mais as exigências pata todos os públicos que compõe a nossa sociedade diversificada para o ramo empresarial.

Lamentamos todo o fato ocorrido e ressaltamos que atitudes como essas merecem ser repudiadas e penalizadas na forma da lei mediante todo preconceito e constrangimento sofrido através da lei RN sem LGBTfobia de n°9.036 de 29 de Novembro de 2007. Que dispõe sobre as penalidades á serem aplicadas á pratica de discriminação em razão de Orientação sexual e dá outras providências. http://adcon.rn.gov.br/ACERVO/gac/DOC/DOC000000000055935.PDF que pode ser acionada, além da realização de uma denuncia e ação civil Indenizatória por danos morais contra o estabelecimento e pessoa que praticou este tipo de atitude.

Ressaltamos que nosso papel é combater as opressões praticadas contra os LGBTs, buscando formas de educar através de trabalhos de conscientização para prevenir que situações de preconceito e discriminação ocorram com frequência em nossa sociedade desta forma nos colocamos a disposição no que preciso for para buscar garantir os direitos das pessoas Trans e população LGBT, junto às instituições autoridades competentes para que as medidas cabíveis sejam tomadas e para que situações como essa não volte a ocorrer.

Atreva-se

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Santa Cruz/RN:Policia encontra cadaver proximo à loteamento na saída para São Bento do Trairi


O Corpo de um homem foi encontrado na manhã desta Quinta-Feira (14) no Loteamento Eudorado próximo a Sega Matilde, saída para São Bento do Trairí.

Segundo informações a vítima foi identificada como Rafael Rodrigues Barbosa 24 anos, o corpo foi encontrado com marcas de disparos  de  armas de fogo,o mesmo morava no Bairro do Paraíso.

A Polícia Militar encontra-se no local aguardando a chegado do (ITEP) para fazer a remoção do corpo.

Sem mais detalhes.

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Vem aí em Santa Cruz/RN: Grande Reinauguração da Casa do Matuto Regional.


Jovem que estava desaparecida desde domingo em Santa Cruz é encontrada amarrada


Informações do blog DL dão conta que foi encontrada por volta das 10h da manhã desta terça-feira, 12 de setembro, a jovem Lidiane Valdivino, que estava desaparecida na cidade de Santa Cruz-RN como vários meios de comunicação da região Trairi noticiaram desde o último domingo (10).

Segundo informações de um dos familiares, ela foi encontrada por policiais com as mãos amarradas no interior de uma cerâmica em Santa Cruz. A jovem neste momento encontra-se na 9ª DRP prestando esclarecimentos a Polícia.

O que chama atenção da polícia e população é o grande número de casos de desaparecimentos registrados em Santa Cruz nos últimos meses.

Postagem atualizada as 9:56 do dia 12/09/2017

terça-feira, 12 de setembro de 2017

Lula depõe amanhã em Curitiba com esquema de segurança reforçado

Daniel Isaia - Repórter correspondente da Agência Brasil
São Paulo - Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fala à imprensa sobre sua condenação por corrupção pelo juiz federal Sérgio Moro, na sede do PT (Rovena Rosa/Agência Brasil)
Lula será ouvido no segundo processo a que responde no âmbito da Operação Lava Jato. Ele é acusado pelo Ministério Público Federal de receber vantagens indevidas do Grupo Odebrecht para beneficiar a empreiteira em contratos com a PetrobrasRovena Rosa/Agência Brasil

O esquema de segurança montado para o depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que acontece amanhã (13) em Curitiba, será semelhante à estratégia utilizada em maio, quando o petista depôs pela primeira vez ao juiz federal Sérgio Moro. A audiência desta quarta-feira está marcada para as 14h na sede da Justiça Federal do Paraná (JFPR).
"As circunstâncias são muito parecidas. No entanto, o dimensionamento foi menor, por conta da notícia de que nós teremos menos ônibus envolvidos e uma quantidade menor de pessoas. Mas o esquema básico é o mesmo, com um volume menor de policiais", explicou o secretário de Segurança Pública do Paraná, Wagner Mesquita.
Para atuar no esquema de segurança, serão destacados cerca de mil policiais militares, além de representantes da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento de Inteligência do Estado do Paraná (Diep), Guarda Municipal, Polícias Rodoviária Estadual e Federal, Polícia Federal, Agência Brasileira de Inteligência (Abin), entre outros órgãos. A expectativa é que 50 ônibus cheguem a Curitiba com cerca de 5 mil manifestantes. 
No depoimento prestado por Lula em maio, a Sesp-PR esperava mais de 60 mil pessoas. Naquela ocasião, o esquema montado envolveu cerca de 1,7 mil policiais militares, além dos agentes dos outros órgãos de segurança.
Assim como no esquema anterior, o trânsito será novamente alterado desde cedo, com bloqueios a partir das 6h da manhã a duas quadras da JFPR. "O bloqueio mais imediato [acontece] a partir do meio-dia, ao redor da Justiça Federal. Ali sim, respeitando o interdito proibitório que já foi decretado pela Justiça. Quem não tiver sido cadastrado, não terá acesso", garantiu Mesquita.
A Sesp-PR também espera que não haja qualquer contato entre os grupos simpatizantes e contrários ao ex-presidente. Para isso, o órgão orienta que os apoiadores de Lula se concentrem na Praça Generoso Marques, no centro de Curitiba, e que aqueles favoráveis à condenação do petista fiquem nas proximidades do Museu Oscar Niemeyer, no Centro Cívico.
A assessoria de imprensa da JFPR informou que terá expediente normal apesar do esquema de segurança e dos bloqueios no trânsito.
O processo
Lula será ouvido no segundo processo a que responde no âmbito da Operação Lava Jato. Ele é acusado pelo Ministério Público Federal (MPF) de receber vantagens indevidas do Grupo Odebrecht para beneficiar a empreiteira em contratos com a Petrobras.
Segundo a denúncia do MPF, a Odebrecht comprou um terreno em São Paulo para a construção do Instituto Lula e uma cobertura em São Bernardo do Campo, vizinha ao apartamento onde o ex-presidente mora. Segundo a força-tarefa da Lava Jato, o valor das vantagens indevidas recebidas por Lula se aproxima dos R$ 13 milhões.

Edição: Valéria Aguiar

Aeroportuários promovem atos contra a privatização de 14 aeroportos

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil
Aeroporto de Congonhas
Aeroporto de CongonhasValter Campanato/Agência Brasil

Integrantes do Sindicato Nacional dos Aeroportuários (Sina) promovem desde as 10h30 de hoje (12) atos simultâneos em 19 terminais aéreos no país contra o programa de desestatização do governo federal, que pretende transferir à iniciativa privada 14 aeroportos administrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Nesses locais, foram espalhadas faixas e cartazes e também está sendo distribuída uma carta aos passageiros e ao público em geral, expondo os motivos da insatisfação dos manifestantes.
Na cidade de São Paulo, o ato se concentrou no Aeroporto de Congonhas, um dos terminais incluídos nos quatro blocos de concessão anunciados pelo governo. “Nós queremos alertar a população sobre o erro que é conceder Congonhas ao setor privado, porque ele [o aeroporto] é superavitário, o mais rentável da Infraero e banca mais de 60% das despesas geradas nos terminais que operam com deficit”, justificou Severino Macedo, diretor do Sina, em Congonhas.
Severino disse que apesar de terem sido reduzidos voos depois da tragédia com o Airbus A320 da TAM, em 2007, desde então “o número de passageiros só tem crescido neste terminal e aqui não temos crise”.
Em defesa do ato, Severino argumentou que muitas vezes a população é induzida a achar que os servidores públicos são preguiçosos, quando, na realidade, “somos celetistas de uma empresa pública que sustenta o funcionamento do terminal”. Congonhas é o segundo maior aeroporto do país, com movimento de 21 milhões de passageiros por ano.
De acordo com o Conselho do Programa de Parcerias de Investimento (PPI), a meta é a de abrir licitação para 14 aeroportos em quatro blocos. Além de Congonhas, que pela proposta do governo é efetuar o negócio no primeiro e único lote, estão previstas as concessões dos terminais do Nordeste (Maceió, Aracaju, João Pessoa, Campina Grande, Juazeiro do Norte e Recife); de Mato Grosso (Cuiabá, Sinop, Ala Floresta, Barra do Garça e Rondonópolis) e dos aeroporto de Vitória e de Macaé (RJ). Só na área de transportes, o plano de desestatização deve render R$ 8,5 bilhões.

Edição: Fernando Fraga